Bolsonaro sanciona com veto lei que fixa piso salarial para enfermagem

 

O presidente Jair Bolsonaro (PL) sancionou, com um veto, a lei que fixa pisos salariais para enfermeiros, técnicos de enfermagem, auxiliares de enfermagem e parteiras. O ato foi publicado nesta sexta-feira (05) no “Diário Oficial da União” (DOU).

O chefe do Executivo utilizou as redes sociais, na noite de quinta-feira (04), para homenagear os profissionais do segmento.

“Sancionamos, hoje, a lei que estabelece o piso salarial para profissionais de Enfermagem. Além do trabalho exaustivo, por vezes, são eles, depois de Deus, a nossa maior companhia na solidão da enfermidade. É um grande passo para que alcancem o lugar de destaque que merecem”, escreveu o presidente no Twitter, ao publicar uma foto lembrando do episódio da facada que sofreu em 2018.

O texto do projeto, aprovado pela Câmara e pelo Senado, fixou em R$ 4.750 o piso nacional de enfermeiros dos setores público e privado, valor que serve de referência para o cálculo do mínimo salarial de técnicos de enfermagem (70%), auxiliares de enfermagem (50%) e parteiras (50%).

Mais de Noticias