Bahia fecha o primeiro trimestre como estado com maior indice de desemprego do Brasil

 

O número de desempregados na Bahia somou 1,250 milhão no primeiro trimestre de 2022, uma variação de mais de 10 mil pessoas ante o trimestre anterior. Ainda nos primeiros três meses do ano, a taxa de desocupação do estado ficou em 17,6%, em relação à do quarto trimestre de 2021, a menor para o período desde 2016, porém a maior do Brasil, segundo a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNADC), divulgada nesta sexta-feira (13), pelo IBGE.

De acordo com o levantamento, de janeiro a março deste ano, havia 5,864 milhões de trabalhadores na Bahia, uma leve queda frente ao final de 2021, no entanto, cresceu 12,9% frente ao primeiro trimestre de 2021.

Em relação ao quarto trimestre de 2021, a ocupação só foi positiva entre os trabalhadores auxiliares familiares, alta de 34 mil e os do setor público, que subiu para 23 mil.

Mais de Emprego