Prefeito recebe comerciantes da Rua da Bandeira

Foto: Tiago Pacheco

 Foto: Tiago Pacheco

O prefeito de Camaçari, Elinaldo Araújo, recebeu na tarde desta quarta-feira (11/5), uma comissão de comerciantes da Rua da Bandeira, nas imediações do bairro Jardim Brasília, que dialogou com o poder público municipal sobre os impactos causados pelas fortes chuvas na madrugada do dia 21 de abril deste ano, assim como também os prejuízos contabilizados pelos proprietários dos estabelecimentos. O encontro aconteceu na sala de reuniões da Secretaria de Governo (Segov).

Comprometido em ouvir o pleito apresentado na reunião de hoje pelo grupo formado por aproximadamente 20 comerciantes afetados pela chuva, o gestor acolheu as reivindicações e explicou quais os trabalhos executados pela prefeitura de maneira emergencial, para evitar que aconteçam novos alagamentos. “É importante conhecer de perto a realidade de cada cidadão e assim tenho feito. Essa é uma pauta que tenho me dedicado diariamente, e nós temos um grupo de trabalho comprometido com a cidade, composto por técnicos de várias secretarias do governo, é uma força-tarefa atuando nas imediações do Rio Camaçari, com a ideia de desobstruir a área de risco que está ocupada por casas construídas irregularmente”, sinalizou Elinaldo.

Durante a pauta, ainda foram dialogadas as tratativas relacionadas às obras do Programa Municipal de Saneamento Integrado na Bacia do Rio Camaçari, a necessidade de desobstrução dos pontos que impedem e/ou dificultam a passagem das águas pluviais, o processo de demolição de construções irregulares e os serviços de manutenção.

A proprietária de uma loja de automação industrial, Marcela Cavalcanti, agradeceu a oportunidade de poder compartilhar o que aconteceu com seu estabelecimento e dos demais colegas que também foram afetados pela chuva. “Trouxemos hoje para o prefeito o que aconteceu conosco. Nós temos entre 10 e 24 anos de loja, e nesse ano tivemos um prejuízo maior. Agradeço pelos esclarecimentos feitos pelo o prefeito”, comentou.

Ainda segundo o chefe do Poder Executivo, os trabalhos seguem com a possibilidade de indenização dos proprietários, quando for necessário. A proposta é alargar a área do Rio para favorecer a fluidez das águas pluviais. Paralelo a isso, a administração dá continuidade às manutenções preventivas, que acontecem de forma rotineira em diversos pontos da sede e da costa do município.

Participaram da reunião os secretários de Governo (Segov), José Gama Neves e do Desenvolvimento Urbano e Meio Ambiente (Sedur), Andréa Montenegro; técnicos das pastas da Infraestrutura (Seinfra) e da Habitação (Sehab); e o vereador Herbinho.

 


 

Agencia de Notícias

Mais de Cidades