Qualificação em relações interpessoais é direcionada para profissionais do Centro Comercial

Foto: Jean Victor

 Foto: Jean Victor

Equipes de fiscalização e servidores da área administrativa da Secretaria dos Serviços Públicos (Sesp) participam nesta semana (24 a 28/1) do curso de qualificação Relações Interpessoais no Atendimento ao Público. Com oito horas-aula para cada turma, a formação recebeu nesta segunda-feira (24/1), no Centro de Integração e Apoio ao Trabalhador (CIAT), um grupo de 33 servidores, entre efetivos e comissionados, que volta a se reunir na quarta-feira (26/1), das 8 às 12h, no mesmo local.

Na terça e quinta-feira (25 e 27/1, respectivamente) serão mais 30 servidores que darão início ao curso. Todos os contemplados receberão seus certificados sexta-feira (28/1), às 9h, no CIAT. A capacitação tem o objetivo de promover novos conhecimentos relativos às relações interpessoais no atendimento ao público.

Arlene Rocha, secretária da Sesp, destacou a importância da qualificação no momento em que servidores efetivos foram contemplados com o direito à gratificação por produtividade fiscal, segundo a Lei n.º 1707/2022, publicada em 6 de janeiro no Diário Oficial do Município n.º 1822. “Para nós é muito gratificante ver que os funcionários efetivos da Sesp conseguiram recentemente o melhoramento de suas condições de trabalho, e estamos realizando esse curso para que eles tenham maior aperfeiçoamento e venham atender o público cada vez melhor”, declarou a titular da pasta.

Namucies de Souza, responsável pela Diretoria de Ordem Pública (Dirop) da Sesp, comemora a realização do curso. “Para nós, hoje é um dia especial por conseguirmos concretizar a oferta desse curso. Essa formação em relações interpessoais vai ajudar o servidor a estabelecer um relacionamento mais amistoso com a população” reconheceu o diretor. A Sesp, por meio da Dirop, fez questão de contemplar não somente o pessoal da fiscalização, e incluiu o administrativo do Centro Comercial.

César Santos, engenheiro de segurança da Secretaria do Desenvolvimento Urbano e Meio Ambiente (Sedur), é o facilitador da formação para os servidores da Sesp. Para ele, a ideia é colaborar com a gestão pública. “Estamos sempre aprendendo e trocando informações. Essa área de fiscalização e de atendimento precisam muito desse conhecimento especializado de saber como lidar com o público”, afirmou o profissional que já colaborou com a pasta de serviços públicos em outros momentos.

O fiscal de serviços públicos da Sesp, Emerson Macedo, reconhece a importância da formação. “Vai abrir um pouco mais a cabeça do servidor através do conhecimento para poder estabelecer uma boa relação interpessoal com o contribuinte”, reconheceu o profissional, que há 22 anos atua no serviço público, oito dos quais na esfera municipal.

 


 

Agencia de Notícias

Mais de Cidades