Seduc faz primeiro encontro avaliativo do PEV

Foto: Tiago Pacheco

 Foto: Tiago Pacheco

Para avaliar e realinhar o Projeto Escola de Verão (PEV) – Alfabetização Continuada: Ler o mundo para escrever a vida, foi realizado o primeiro encontro de planejamento com os professores. A ação foi realizada nesta sexta-feira (14/1), no auditório da Diretoria Pedagógica (DIPE) da Secretaria da Educação (Seduc).

A ação teve como objetivos: dar continuidade ao planejamento das atividades; planejar a 2ª semana de atividades nas escolas polo do PEV; realizar atividades de cunho formativo sobre leitura e escrita no contexto da alfabetização e do letramento; e socializar as produções dos planejamentos entre os professores. Na oportunidade, ainda serão trabalhadas a influência da leitura em todos os lugares para o processo de alfabetização, além de apresentar exemplares de livros que serão trabalhados no projeto, estes que após a conclusão serão entregues cerca de quatro unidades a cada criança como incentivo à leitura.

A secretária de Educação, Neurilene Martins, esteve presente e falou sobre o projeto. “Primeiro dizer que nossos estudantes estão muito felizes na Escola de Verão, diferente do que muitos pensavam, de que se sentiriam triste por não estarem de férias, se sentiriam diminuído, nada disso, estão felizes, acolhidos e com uma vontade danada de seguir aprendendo, esse é um resultado fantástico. Segundo as famílias, no início estranharam porque nunca houve essa oferta na nossa rede, mas hoje nós já temos famílias ligando para a diretoria pedagógica e solicitando vagas, que acabaram. Esse é um resultado para ser comemorado”, comemorou.

Para saber sobre a produção de cada um dos 36 professores da iniciativa, foi realizada dinâmica sobre as primeiras impressões e uma roda de escuta. A professora do Centro Educacional de Barra do Pojuca, Edivaneide Nunes da Silva, 42 anos, falou aos presentes e agradeceu aos profissionais que atuam na unidade. “Esperança é o que estou sentindo agora, pois enquanto houver esperança haverá chance da gente vencer qualquer obstáculo. Com carinho e com atenção, a gente consegue contribuir com a formação dessas crianças”, sinalizou.

O encontro segue durante todo o dia, com a participação da equipe técnica, e deu continuidade com a discussão em oito grupos, divididos por escola polo, em seguida será feita a socialização dos planejamentos da 2ª semana, a avaliação do encontro e encerramento. A programação é de que a ação se repita sempre às sextas-feiras. O PEV é 100% presencial e atende a 600 crianças de 55 escolas, divididas em 11 polos, sendo quatro na sede e sete na costa.

 

Agencia de Notícias

Mais de Educação