Casa de Ginástica, inaugurada nesta quarta-feira (12), reforça estratégia de inclusão pelo esporte em Lauro de Freitas

 

Lauro de Freitas ganhou uma Casa de Ginástica da Bahia (Cagiba) - Centro de Treinamento de Base e Alto Rendimento. O equipamento esportivo atenderá cerca de 200 crianças e adolescentes de todo o estado, prioritariamente alunos da rede municipal de ensino, no Ginásio de Esportes do Aracuí. O ato que marcou a abertura do programa, na manhã desta quarta-feira (12), contou com a presença de autoridades municipais e atletas da categoria.

A abertura do evento foi realizada pela ginasta laurofreitense Sofia Lima, de 11 anos, que encantou os presentes ao performar a música “Emília, a Boneca da Gente”. Moradora do Centro, ela é aluna da Casa há quatro anos e integrou a conquista do título do 6º melhor conjunto do Brasil, em competição realizada em Porto Alegre, em novembro de 2021. 

Para a atleta, a instalação da Cagiba em sua cidade natal representa ampliar a oportunidade de outras meninas. “É muito bom para que outras pessoas tenham a chance de vivenciar o que eu estou vivendo e seja acolhida por essa equipe. Eu estou muito feliz e espero que daqui saiam muitas outras atletas”, disse Sofia.  

Ginastas de destaque do cenário baiano também prestigiaram a inauguração e levaram o público ao delírio durante suas apresentações. Keyla Santos, de 13 anos, é campeã sul-americana por equipe, campeã sul-americana por equipe geral, vice-campeã sul-americana na categoria Individual Geral e 2º lugar no aparelho fita da América do Sul. Ela contou que o espaço realizará sonhos de pessoas que não têm condições de entrar num clube de ginástica, assim como ela, que no passado conheceu o esporte através de um projeto de bairro. 

“Continuem sonhando e tentando de todas as formas. Não desistam dos seus sonhos. Se a pessoa quiser, ela pode chegar em qualquer lugar”, afirmou Keila. 

Campeã sul-americana de dupla juvenil, Julia Gois, de 16 anos, disse que a ginástica transformou a vida dela e trouxe experiências memoráveis durante a sua caminhada na área esportiva. “Assim como aconteceu comigo, a ginástica também será capaz de mudar a vida de outras meninas, de conhecer pessoas e locais incríveis. São diversas experiências que a gente leva para a vida”, contou a jovem, que agora centra esforços na seletiva do campeonato mundial da categoria, que ocorrerá em breve. 

As inscrições estarão abertas ao público a partir do dia 1º de fevereiro. Interessados devem comparecer ao Ginásio de Esportes do Aracuí ou na sede da Setrel, no Centro Administrativo de Lauro de Freitas (CALF), com documento de identificação com foto, das 8h às 14h. Inicialmente, cada turma terá um limite máximo de 25 crianças, em aulas de 50 minutos, duas vezes na semana. A segunda etapa do projeto, que ocorrerá em breve, oferecerá aula de balé e dança. As aulas devem começar já na próxima semana.

Ferramenta para evitar a evasão escolar

A instalação é resultado da transversalidade entre as pastas municipais de esporte e educação de Lauro de Freitas para incentivar a prática esportiva e evitar a evasão escolar.  A parceria é uma estratégia da gestão municipal como mecanismo para compor a rede de proteção das crianças do município, segundo o titular da Secretaria Municipal de Trabalho, Esporte e Lazer (Setrel), Uilson Souza. Ele destacou que iniciativas assim evidenciam a cidade no cenário esportivo da Bahia.

“São várias modalidades, a ginástica é uma das 26 atividades em parceria com a educação. É bom para as crianças e adolescentes, para as famílias e para o município, que evita a evasão escolar e ainda incentiva a prática do esporte. É um grande orgulho para a cidade e faz parte do esforço que temos feito”, afirmou o secretário. Inicialmente o projeto atenderá 200 crianças e adolescentes. No entanto, Uilson explicou que a pretensão é ampliar a oferta de vagas ao longo dos anos.  

O caráter social da ação foi evidenciado pela prefeita de Lauro de Freitas, Moema Gramacho. “O esporte é um grande transformador social e os nossos jovens estão inseridos no mundo esportivo através da Cagiba.  Vamos envolver alunos e alunas do nosso município nesse projeto, trabalhar o atletismo e, quem sabe, sair daqui atletas nas próximas olimpíadas”, disse. 

A gestora comentou que a instalação é parte do processo para consolidar o município como destaque baiano no quesito esporte. “Lauro de Freitas tem quadras, praças esportivas, além de dois ginásios e vários outros equipamentos. Em breve receberemos os equipamentos de ginástica, aqui no Aracuí. Sem dúvida, é um dos municípios com maior número de equipamentos esportivos da região Metropolitana ”, completou.

Representando a secretária de educação de Lauro de Freitas, o coordenador executivo da pasta, Vitor Veiga, contou que a transversalidade entre as pastas é fundamental para promover ações sociais e esportivas, em parceria com a área educacional. “Isso ajuda a fortalecer a comunidade escolar. Evita a evasão escolar e ainda estimula a prática do esporte”, contou. 

O projeto será executado pela Federação Bahiana de Ginástica, sob a coordenação técnica da professora Evelin Lôbo. O Ginásio ainda continuará sendo utilizado pela comunidade normalmente para outras atividades após às 21h.

O investimento do Governo da Bahia é da ordem de R$329 mil, para aquisição de material esportivo, fardamento e recursos humanos. A Casa de Ginástica da Bahia ocorre através da parceria entre a Federação Bahiana de Ginástica (CBG), a Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia, autarquia da Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte da Bahia (Setre), e Prefeitura de Lauro de Freitas, via Setrel.

Por Aina Soledad

Mais de Esportes