Vereador Vaninho da Rádio concede entrevista ao Portal e fala sobre atuação da Comissão de Meio Ambiente da Câmara

 

Em mais um Papo Aberto, Papo Reto, a equipe do Portal Abrantes entrevistou o vereador Vaninho da Rádio e trouxe como pauta o Meio Ambiente, já que o parlamentar é presidente da Comissão que cuida desta pasta na Câmara Municipal. O descarte irregular de entulho foi o principal assunto. Veja!

Portal Abrantes: Como o senhor ver o descarte irregular de entulho em dunas, área de preservação ambiental e na natureza em geral, em nosso município?

Vaninho da Rádio: Vejo como uma doença crônica. E concidentemente ontem flagrei dois caçambeiros saindo de dentro de condomínios de Guarajuba para descartar em Monte Gordo, ou seja, eles ganharam dinheiro para retirar o resíduo, mas não deram o destino correto. Isso tem acontecido de forma frequente. Primeiro deve existir uma conscientização social, uma educação enquanto munícipe, porque quem gera o resíduo tem obrigação de dar um destino, mas o que nos falta como governo é a condição de fiscalizar esse descarte, até porque muitas vezes as pessoas fazem isso de madrugada. A população pode contribuir com a informação, a denúncia, pondo placas. O governo tem atendido, mas não completamente de forma eficiente, até porque a demanda é muito grande.

PA: O que falta para que esse tipo de crime ambiental seja coibido, principalmente na Costa?

VR: Temos que pegar o indivíduo em flagrante. Em Monte Gordo, na subestação, um lugar bonito, nós já limpamos 11 vezes esse ano. Para se ter uma ideia, da última vez foram 40 caçambas lotadas de resíduos. Na semana passada dois caçambeiros foram conduzidos para a delegacia, disseram que era perseguição política, o que não tem nada a ver, foi aberto um inquérito para apurar a questão da responsabilidade. Mas precisamos que as ong’s, as associações abracem essa causa. Na condição de presidente da comissão estou à disposição para receber essas entidades no sentido de parceria, para que a gente possa ir em busca de punir os culpados. Mas o município infelizmente não consegue dar a resposta para o descarte de forma extraordinária.

PA: A AVP por exemplo, que tem a frente a jornalista Ana Maria Mandim, tem sido atuante na Costa, mas ela tem trabalhado sozinha, não existe uma omissão do governo nesse sentido, já que ela sempre denuncia crimes ambientais na orla?

VR: Temos que aplaudir a atuação de Ana Maria Mandim, mas não existe um inercia do governo uma vez que o prefeito manda para essa Casa um projeto de lei para criar o Parque das Dunas de Abrantes/Jauá, onde todas as leis de amparo e sustentação serão resguardadas por meio desse projeto, então quem faz isso é quem tem responsabilidade. Ela faz um trabalho extraordinário sim, mas da nossa parte não existe falta de comprometimento, o que existe é uma quantidade absurda de descarte. Acredito que o prefeito Elinaldo já tenha pensado em criar uma secretaria especifica do Meio Ambiente para resolver essas questões. Já está mais que na hora.

PA: O que diz a lei sobre o descarte, será que ela não está branda?

VR: A lei atual foi criada pelo ex-prefeito Caetano, que diz que a primeira ação é notificar, ou seja, já dá uma possibilidade de a pessoa descartar novamente. A partir da reincidência é que se entra com um processo crime. É preciso a gente repensar a lei que existe suas fragilidades, e criar cláusulas contundentes para coibir essa questão de descarte no município, agora a responsabilidade é de todos nós.

PA: De imediato, já está sendo feito algo sobre essa questão do descarte ser coibido de forma mais severa?

VR: Já conversei com o secretário Genival Seixas, conversei também com o Prefeito sobre essa questão do descarte, está sendo feito um estudo. A promotoria de Meio Ambiente junto com a Sedur estão juntando essas denúncias para que nós possamos fundamentar a necessidade de mudar alguns artigos dessa lei.

Para finalizar a entrevista, o vereador Vaninho da Rádio fez questão de salientar o papel informativo do Portal Abrantes e pela reponsabilidade com a comunicação. “É um dos sites mais visualizado, mais comentado da cidade e isso demonstra o comprometimento de vocês. Quero registrar o meu apreço e respeito atribuído ao site pelo trabalho que desenvolvem na cidade”

  

 

 

Mais de Câmara de Camaçari