Facebook
  RSS
  Whatsapp
Home    |    Notícias    |    Saúde

Dia Mundial da Alegria:  um remédio natural para o corpo e a mente

Compartilhar

 

A alegria não é apenas uma emoção momentânea, mas um estado de espírito que tem um papel indispensável para trazer inúmeros benefícios para a saúde mental e fisiológica de todo indivíduo, assim como para o seu bem estar social. Em 8 de julho é celebrado o Dia da Alegria, uma data que nos convida a refletir sobre a importância desse sentimento em nossas vidas.

O psicólogo da Hapvida NotreDame Intermédica, George Barbosa, destaca que é impossível permanecer em constante estado de alegria, no entanto, a existência dela, na maior parte do tempo possível durante o dia, aliada a uma boa alimentação, é crucial para a liberação de neurotransmissores como a dopamina e a serotonina, que são conhecidos por promover sensações de prazer e felicidade, e para o comportamento eficaz do organismo humano. "Pequenas mudanças e novas perspectivas podem trazer grandes transformações emocionais, inspirando-nos a buscar momentos de alegria em nossas próprias vidas. Inclusive, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), o conceito de saúde pode ser resumido como o  "bem-estar físico, sócio e emocional do sujeito", explica o psicólogo.

Isso pode ser constatado de uma forma encantadora e educativa através do filme DivertidaMente 2, que tem sido um grande sucesso de público e vem lotando as salas de cinema de todo o Brasil. O longa mostra como as emoções, dentro da mente da personagem principal, interagem e se equilibram, destacando a importância da alegria em nos ajudar a superar desafios e a lidar com situações difíceis. O filme mostra que a alegria não apenas nos proporciona momentos felizes, mas também nos ajuda a encontrar significado e propósito mesmo nas adversidades.

O especialista reforça que, quando experimentamos alegria, nosso corpo responde de várias maneiras benéficas: o sistema imunológico é fortalecido, os níveis de estresse são reduzidos e até mesmo a pressão arterial pode ser regulada. Além disso, sentir alegria com regularidade pode contribuir para a longevidade, pois pessoas felizes tendem a adotar estilos de vida mais saudáveis. Ao contrário do que acontece com o metabolismo de pessoas em melancolia ou depressão, no qual o sistema imunológico fica deficitário acometendo aquela pessoa já debilitada emocionalmente a também adoecer fisiologicamente.

"A mente e corpo estão sempre alinhados, como uma máquina perfeita. Mas, para manter o comportamento ideal, precisa de manutenção contínua, e a alegria é componente essencial deste bom cuidado do corpo, mente e espírito, proporcionando inclusive a longevidade, exatamente devido ao melhor comportamento das células.", afirma.

Práticas para cultivar a alegria:

Esse sentimento também desempenha um papel vital em nossas relações interpessoais. Quando nos sentimos alegres, somos mais propensos a nos conectar com os outros de maneira positiva e empática, fortalecendo nossos vínculos sociais, melhorando a interação com a família e amigos, evidenciando que a alegria é contagiante e pode criar um ambiente de apoio e cooperação.

"Cultivar a alegria no dia a dia pode ser uma estratégia eficaz para melhorar nossa qualidade de vida. Práticas simples, como a gratidão, o mindfulness – tipo de meditação que promove o bem-estar interior –, fazer coisas novas para si ou para outras pessoas (altruísmo), estar em grupos para trocas saudáveis, fazer atividade física, se engajar em atividades prazerosas como assistir e/ou ouvir coisas que lhe façam bem, aumenta os nossos níveis de alegria. O riso e a arte são formas de externalizar a alegria, assim como os atos de afeto. Logo, a alegria de um indivíduo pode afetar, positivamente, toda uma comunidade", destaca Barbosa.

A alegria é uma força poderosa que pode melhorar a nossa saúde, fortalecer nossos relacionamentos e nos ajudar a enfrentar os desafios com mais leveza e esperança. Junto com outras emoções, é fundamental para nossa jornada emocional e para o nosso bem-estar geral. Que possamos todos buscar e compartilhar mais momentos de alegria diariamente.

Mais de Saúde