Prefeito se reúne com secretários para definir providências sobre o retorno às aulas

 

Sempre muito atento e cumprindo, dentro de um cronograma já definido, as providências para que o retorno às aulas seja seguro de forma a garantir que todas as condições e medidas do protocolo sanitário sejam seguidas, o prefeito Elinaldo Araújo se reuniu, na tarde desta sexta-feira (23/7), com secretários municipais em seu gabinete.

Na pauta do encontro, foram tratados temas como, os últimos detalhes do planejamento de retorno às aulas semipresenciais; o monitoramento de como está o plano de vacinação dos servidores da educação, no que diz respeito à aplicação da segunda dose; além das questões de pessoal, no que envolve a necessidade de checar o quantitativo de servidores docentes e não docentes, efetivos e comissionados, além dos profissionais terceirizados.

De acordo com o prefeito Elinaldo, há toda uma atenção, por parte da Secretaria da Saúde (Sesau), em, caso haja possibilidade de receber um quantitativo de vacinas suficientes, priorizar o agendamento da segunda dose para os profissionais da educação, seguindo o que recomenda o Ministério da Saúde.  

No último encontro, ficou acordado de maneira conjunta, entre os comitês municipais ligados à educação e os sindicatos de classe, que o retorno das atividades nas 102 unidades do município ocorrerá em duas etapas.

A primeira fase será a partir de 9 de agosto, na qual todos os professores voltarão para as unidades com intuito de avaliarem as adequações feitas nas escolas para evitar a contaminação pela Covid-19, assim como a aplicabilidade do Protocolo Sanitário para Ambientes Escolares.

Já no dia 16 de agosto, será o momento das aulas iniciarem com a presença dos mais de 37 mil estudantes da Rede Pública Municipal de Ensino. O percentual de alunos será definido entre os comitês escolares, com a finalidade de escolher a melhor data de reingresso.

Participaram da reunião os secretários da Saúde, Elias Natan, da Educação, Neurilene Martins, e da Administração, Helder Almeida.

 

Mais de Política