Filhos de Cid Moreira pedem interdição do pai e prisão de madrasta

Reprodução

 Reprodução

Um processo judicial tramita em Petrópolis (RJ), pedindo a interdição de Cid Moreira e a prisão da esposa, Fátima Sampaio Moreira. Quem move a ação são os filhos do apresentador, que acusam a madrasta de cárcere privado.

Segundo Roger e Rodrigo, Cid, que está com 93 anos, tem sintomas de demência e está com a liberdade restrita, que a esposa controla as postagens nas redes sociais, além de manter ele afastado da família. “A única coisa que posso falar agora é que a verdade vai aparecer em breve. Ele é uma vítima. Se não fossemos impedidos, nós filhos estaríamos convivendo com ele. Amamos ele e não podemos nos aproximar porque ela não deixa", disse um dos filhos em entrevista a Uol. 

Alegando que Cid não tem condições de administrar os próprios bens, o processo pede uma tutela com urgência. De acordo com os filhos do apresentador, Fátima, que é 40 anos mais jovem que o apresentador, teria casado com ele por "interesses econômicos" e por isso pedem o bloqueio dos bens pois ela estaria praticando apropriação indébita.

A assessoria de Cid Moreira disse que ele não vai comentar o caso e que até agora não houve nenhum comunicado judicial sobre a situação.

Mais de Polícia