O Retorno do Louco: mesclando loucura e liberdade, jovem ator morador de Candeias lança monólogo em plataforma digital

Projeto foi contemplado pelo Edital Rolmar Duarte e traz discussões sobre pressões para seguir padrões determinados pela sociedade

 

Histórias e reflexões de alguém que ousa ser a sua própria essência, sem padrões, isolado do mundo “normal” e que não tem medo de ser chamado de louco. É assim que o jovem ator Khalil Emmanuel, morador de Candeias, apresenta o seu novo monólogo, “O Retorno do Louco”. A obra já está disponível no Youtube e conta com pouco mais de 15 minutos. O projeto foi contemplado e viabilizado pelo Edital Rolmar Duarte, uma iniciativa resultante de uma parceria firmada entre o Governo do Estado, Prefeitura Municipal de Candeias e Secretaria de Cultura e Turismo de Candeias.


Dirigido e escrito pelo próprio Khalil, o monólogo resgata o alicerce da obra  “Morto, não. Apenas falecido”, primeiro livro do artista, lançado em 2020. Além disso, a  produção recebe influência dos textos do filósofo e escritor libanês Khalil Gibran. “Após algumas tentativas falhas de ideias de projeto, eu decidi ser honesto comigo mesmo e com meus sentimentos. Era hora de invocar o ‘Louco’, que é um Alter Ego meu. No meu livro, ele promete retornar. É daí que surge a ideia do monólogo. E, para impulsionar essa narrativa e esse personagem, eu me inspiro nos textos do brilhante Gibran, que conversam muito bem com o que eu já tinha”, conta o ator.


Na narrativa, carregada de literatura e dramaturgia clássica, o personagem principal, conhecido como “Louco”, retorna expondo seus sentimentos, dores e sofrimento. Mas tudo isso surge com um tom reflexivo e recheado de críticas à sociedade e aos seus próprios comportamentos. “A mensagem intrínseca na figura do ‘Louco’ é a liberdade de ser você mesmo, de fazer suas loucuras, aceitar seus sentimentos e de ser desgarrado de um sistema que torna todos iguais, sem valorizar as diferenças e especialidades de cada um”, explica Khalil.


O artista, que nasceu em Salvador e cresceu na cidade de Candeias, garante que “O Retorno do Louco” é uma obra aberta e subjetiva que vai fazer com que as pessoas enxerguem novas perspectivas sobre a vida. “Cada um vai poder se ver no ‘Louco’, se reconhecer nele, lembrar de  momentos que viveu e enxergar a si próprio”. Ele ainda questiona: “Quem nunca se sentiu excluído? Quem nunca se aborreceu por ter que seguir regras sem sentido? Quem nunca se sentiu sufocado por não poder se expressar? Ao final, cada um terá uma interpretação da obra, de acordo com a sua história de vida e experiências”. Para quem ficou curioso e quer fazer as próprias interpretações sobre o personagem, o monólogo já está disponível no canal do Youtube do ator Khalil Emmanuel.


PARA ASSISTIR: 

O Retorno do Louco

FICHA TÉCNICA

Elenco: Khalil Emmanuel

Narração: Francisco Félix

Texto e Direção: Khalil Emmanuel

Audiovisual: Lipzera

Fotografia: Nil Rozendo


Sobre o artista

Khalil Emmanuel é um jovem ator e escritor que nasceu em Salvador e cresceu na cidade de Candeias. Estudante de Licenciatura em Teatro na Universidade Federal da Bahia, ele acaba de lançar o seu primeiro monólogo “O Retorno do Louco”. Já atuou em peças teatrais como “Candeias: O Ouro Negro do Brasil”, “Glee - O Início”, “A Vida Como Ela É…”. Como escritor, publicou seu livro de estreia em 2020, a obra recebe o título “Morto não. Apenas falecido”.


 

Mais de Candeias